News

Adeus ano velho, feliz ano… Vegas!


A famosa cidade de Nevada está mais forte do que nunca, e promete receber número recorde de visitantes para o Réveillon.

Freemont Street, Las Vegas. Foto: Darren Bourne.

Luiza Sobral é jornalista

O ano de 2017 é um que Las Vegas gostaria de poder esquecer, mas a tragédia que aconteceu em outubro deixou o lema que os residentes estão honrados em carregar: #VegasStrong. A famosa cidade de Nevada está mais forte do que nunca, e promete receber número recorde de visitantes para o Réveillon.

Adeus ano velho, e entremos no ano novo em grande estilo: imagina no mesmo dia subir na Torre Eiffel, passear de gôndola veneziana, atravessar Nova Iorque em uma montanha russa e assistir um musical famoso?

Que tudo se realize no ano que vai nascer. Aqueles que já sonharam em ver o Elvis, os Beatles ou o Michael Jackson, podem ser entretidos por incríveis produções de tributos a esses artistas. Se você é da geração da Cher, da Celine Dion ou, mais recente, da Britney Spears e dos Backstreet Boys, está com sorte: esses são residentes e continuam na “cidade dos pecados” em 2018.

The Mirage. Foto: Darren Bourne.

Las Vegas representa o ápice da extravagância norte-americana. As limusines são comuns na saída dos resorts, restaurantes são comandados por chefs-celebridades, como Wolfang Puck e Gordon Ransay, e champanhes caras são jorradas nas baladas como se fossem água. Porém, para tudo isso, muito dinheiro no bolso é necessário: a não ser que você tenha pouca sorte no amor (e saiba jogar!).

Mas também dá para curtir sem ter que se endividar até 2020.

Sendo uma das cidades mais turísticas do mundo, as opções de acomodações são extensas e para todos os bolsos. Dos resorts renomados, o MGM tem ótimo custo-benefício. E também existem opções mais baratas, um pouco mais distantes do buchicho.

Las Vegas Boulevard, conhecida como Strip. Foto: Darren Bourne.

A festa da virada é de graça na Las Vegas Boulevard, a grande avenida com os hotéis icônicos, como o Bellagio e seu lago das águas dançantes. Também conhecida como a “Strip”, ela será fechada para carros a partir das 6pm do dia 31. Lá é permitido beber na rua, então nada te impede de comprar seu próprio espumante – “Só não pode levar a garrafa”, já avisou o xerife, em vídeo nas redes sociais. Ótimo motivo para comprar um daqueles copões de plástico souvenir.

À meia-noite, a “cidade-neon” fica ainda mais iluminada com um super show pirotécnico. O brilho já existente dos cassinos, combinado com os fogos de artifícios e a festa nas ruas, criam a magia que precisamos para entrar no ano novo. Viva (o Ano Novo em) Las Vegas!

Super dicas

Para assistir aos fogos de artifício

High Roller, a roda-gigante mais alta do mundo. Foto: Darren Bourne.

High Roller Observation Wheel

Quem quiser assistir aos fogos de cima, pode reservar uma cabine na High Roller, a roda-gigante mais alta do mundo: a partir de US$150/pessoa (quanto mais alto você estiver na hora virada, mais caro fica).

Dica: mais barato e talvez mais bonito é ir na mesma roda-gigante e assistir o último ou primeiro pôr-do-sol do ano. O preço regular, para o dia, é US$22. Como em Las Vegas quase nunca chove, as cores do céu ficam maravilhosas e você pode ver a cidade antes e depois de escurecer.

Sundance Helicopters

Se der para esbanjar, dá para assistir os fogos de um helicóptero sobrevoando a cidade. Eles te buscam e levam do hotel em uma limusine e incluem o champanhe e aperitivos no terminal, por US$499.

Eiffel Tower Experience NYE

A reprodução da Torre Eiffel tem metade da altura da original. Foto: Darren Bourne.

A Torre Eiffel americana tem metade da altura da original, mas oferece vistas incríveis em 360°. US$250 inclui foto oficial, open bar de uma hora e champanhe na hora da virada.

Sugestão de festas

NYE Bridge Party 2018

A festa na Brooklyn Bridge, a réplica da ponte de Nova Iorque, é de céu aberto e fica legal para ver os fogos. Fica em frente ao resort New York-New York, e oferece open bar e DJs por US$150.

Margaritaville New YEar’s eve Party

O Margaritaville, na Strip, oferece open bar e música ao vivo em um clima mais tropical (pense camisas floridas e papagaios) por US$99.

Hakkasan Nightclub

A balada do MGM terá o DJ Steve Aoki comandando a noite da virada; e o Tiesto toca na noite do dia 30. A partir de US$100.

Outras sugestões imperdíveis para os outros dias

Freemont Street

Também conhecida como a “Old Las Vegas”, foi ali que tudo começou. A rua é fechada com um teto de luzes neon, e dá para atravessar o quarteirão em zip-line. Uma opção de restaurante legal ali pertinho é o Carson Kitchen – passa lá assim que chegar na região, para já deixar seu nome na lista de espera, e vai passear na Freemont enquanto aguarda sua mesa. Se o Carson estiver muito cheio, a segunda opção é o Therapy.

The Linq Promenade

A rua fica entre o Flamingo e The Linq, e oferece lojas e restaurantes diversos, como o Fish & Chips do Gordon Ramsay, e o Off The Strip, um bar favorito dos locais. Tem até loja das Havaianas e da Chilli Beans!

The Park

Relativamente novo em Las Vegas, a área fica entre o Monte Carlo e o New York – New York, e oferece música ao vivo – e de graça – no parque, e a cervejaria Beer Hauss, com dezenas de cervejas e joguinhos disponíveis para os adultos se entreterem – também de graça.

Las Vegas North Premium Outlet

Brasileiro que é brasileiro adora um outlet. A taxa de imposto em Las Vegas é de apenas 8,1%, então os descontos realmente valem a pena. A variedade de lojas também são melhores do que temos aqui, como a All Saints e a UGG.

Outros restaurantes imperdíveis

Lago

No Bellagio, com vista para as águas dançantes. Eles oferecem menu degustação no almoço, com preço razoável e sobremesa de lamber os beiços.

Hexx

Entrada para na própria Strip, no complexo do Paris Resort. O menu é extenso, os pratos são bem servidos. Quando fui, a comida demorou demais para chegar – mas o gerente prontamente se desculpou e não cobrou os pratos principais. Super popular no café da manhã: a panqueca de bolo de cenoura é incrível.

Las Vegas Boulevard, conhecida como Strip. Foto: Darren Bourne.

Sobre Jornal de Toronto (89 artigos)
O Jornal de Toronto nasce com o intuito de trazer boa notícia e informação, com a qualidade que a comunidade merece. Escreva para a gente, compartilhe suas ideias, anuncie seu negócio; faça do Jornal de Toronto o seu espaço, para que todos nós cresçamos juntos e em benefício de todos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s