Outubro como um mergulho de mãos atadas na correnteza

Mês deve viabilizar elementos-chave para vitórias importantes que estão prestes a acontecer nos dois últimos meses do ano

Imagem da série "Bolívar", produzida pela Netflix.

Pai Elton é astrólogo

Em uma das cenas mais notórias da série sobre a vida do grande libertador de vários países da América Latina, Simón Bolívar promete atravessar a correnteza de um rio de mãos atadas. O intuito dele é o de angariar a admiração de um grupo de camponeses, a fim de conseguir que eles o sigam como parte do seu exército até a cidade de Santa Fé (Bogotá, Colômbia).

O ato em si é obviamente importante para o desdobramento de toda a história. Não como uma das suas muitas batalhas, mas como uma prova de coragem, um verdadeiro teste. E já que ele acaba não morrendo ao nadar através da correnteza, a adesão de novos soldados torna-se crucial para o sucesso posterior da sua campanha militar.

Este mês de outubro apresenta uma vibração semelhante à da cena resumida brevemente aqui. Este não se trata ainda, do ponto de vista astrológico, do momento mais importante da atualidade. No entanto, nele devem-se viabilizar elementos-chave para vitórias importantes que estão prestes a acontecer nos dois últimos meses do ano.

Mas, sem os testes necessários, haverá uma possibilidade bem menor de qualquer avanço, tanto no plano abstrato como no concreto. Por isto, mesmo em uma posição de desvantagem, precisa-se arriscar tudo para se dar bem no final. Esta é a mensagem dada pela retrogradação de Marte no signo guerreiro de Áries em quadratura (em ângulos de 90 graus) a planetas de órbitas mais longas no signo de Capricórnio, como Saturno, Plutão e Júpiter.

A tensão planetária do momento convida a todos a desafiarem a si próprios primeiro. Só assim será possível conseguir a coragem suficiente para confrontar o outro. Ou seja, quando se prova o próprio valor, fica bem mais fácil ganhar confiança como um todo. Neste contexto, as palavras podem, muitas vezes, se tornar vazias; e por isto estes atos acabam se mostrando fundamentais agora.

Esta situação é bem interessante de ser vivenciada, num momento em que as eleições presidenciais americanas estão prestes a acontecer. O incumbente atual precisa atravessar a correnteza dos votos para não terminar tragado pela história. Agora, o final desta história em específico saberemos apenas no mês que vem, quando Marte voltar ao seu movimento direto.

Toda esta analogia pode ser importante também para você, leitor ou leitora. E qualquer que seja a sua travessia, desejo-lhe um bom mergulho!

Pai Elton é um astrólogo que atende em Toronto e que conta com mais de 20 anos de estudos e prática na área. Para maiores informações sobre consultas, visite Pai Elton Astrology no Facebook.

Sobre Jornal de Toronto (629 artigos)
O Jornal de Toronto nasce com o intuito de trazer boa notícia e informação, com a qualidade que a comunidade merece. Escreva para a gente, compartilhe suas ideias, anuncie seu negócio; faça do Jornal de Toronto o seu espaço, para que todos nós cresçamos juntos e em benefício de todos.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: